domingo, 8 de maio de 2011

Mães ( Davi Salles )

Eterno cuidado, pensamento ligado
É um elo selado, desde o feto formado
É zelo absurdo, um amor de outro mundo!
Um carinho profundo, de segundo a segundo
É quem te cuida com o olhar
Não se cansa de orar, proteção sem cessar
São os anjos da guarda
Operárias da maternidade
Sem remuneração e sem farda
Rainhas da doação!
Abdicam às vezes de uma paixão pela sua missão
Mãe gigante no seu coração
Desmedida sua compreensão, é eterno o seu perdão
Mãe e filho têm ligação, filho e mãe, é uma comunhão!
Sou um fruto da gestação do seu ventre abençoado
Lá fui nutrido, gerado...
Estou aqui homem formado!
Pela minha mãe educado, sou grato.
Eternamente apaixonado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário