quarta-feira, 23 de junho de 2010

O amor é assim (Davi Salles )

O amor é assim





O amor é assim...
Um vendaval de emoções tempestade de sentimentos
Que confunde, embriaga, pensamento e coração
calor, frio. Paz e pavor.
Às vezes claridade, às vezes escuridão .
Muitas noites em claro, no fogo da ardente paixão
Algumas de insônia, no breu a arder de saudade e solidão.
No silêncio que irrita os ouvidos, no espaço geométrico do quarto
A cantoria agonizante dos grilos na madrugada, desejos contidos
Vontade que acorda contigo.
Sensação de estar sempre em perigo, disritmia aflição
Coração apertado, perdido, laçado por essa emoção.
Assim é o amor; o amor é assim pra você e pra mim.

Quando ele traz segurança, com ele caminha a esperança
A inocência de uma criança, a certeza de uma aliança
Sentimento tão forte sincero se tentar nem consegues esconder
Faz feliz te joga pra cima, mas às vezes também faz sofrer
Se tiveres a sorte de um dia o amor chegar a você, não vacile.
Abra os braços comemore com muito prazer
Pois amor hoje em dia é tão raro.
Poucas vezes vi acontecer.

Vi também quem pagou muito caro
Porque não foi capaz de entender
que o amor verdadeiro é pra sempre
é eterno, não pode morrer.
Outras bocas pode até beijar, outros leitos se deitar
mais não tente nunca se enganar,
pois no fundo tu tens a certeza
Que o amor quando verdadeiro nem o tempo
consegue apagar.






r

Nenhum comentário:

Postar um comentário